Abertura de Empresas Cresce 30%

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pinterest

O surgimento de novos Microempreendendores Individuais (MEI) e a criação de empresas individuais cresceram com força nos primeiros sete meses de 2019. Cerca de 18 mil empresas individuais foram abertas e 225 mil cadastros de MEI foram realizados nesse período, demonstrando um aumento de 29,5% e 21,5%, respectivamente, em comparação com o mesmo período de 2018.

O avanço da criação de empresas individuais e MEIs é maior do que o aumento da quantidade de sociedade limitadas, de 11,1%, no mesmo período, segundo dados divulgados pela Serasa Experian.

A recuperação, mesmo em ritmo lento, vem sendo puxada pelo o aumento de trabalhadores autônomos, além da elevação da informalidade. Por outro lado, a retomada do emprego com carteira assinada não demonstra sinais de retomada forte.

Além das pessoas que abriram pequenos negócios, os dados da pesquisa divulgada englobam ainda aquelas que abriram Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica (CNPJ) para trabalhar como prestador de serviços.

O setor com maior abertura de novas empresas foi o de serviços, com um crescimento de 33% em comparação ao ano anterior. Avanço esse superior ao crescimento do comércio, de 20%, e da indústria, de 17%. Uma das razões para que o setor de serviços lidere a abertura de empresas é a maior facilidade para os empreendedores, por não precisar de muito capital

Recebe nossa Newsletter

Informe seu email no campo abaixo e fique por dentro de todas as novidades da BFA.

Compartilhe com seus amigos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Scroll Up

Junte-se a Nós

Venha trabalhar conosco!